quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Anjo


Voa, meu anjo. Voa enquanto o tempo não coloca os teus pés no chão. Sorria, minha pequena. Sorria antes que as malícias do mundo te mostre as lágrimas. Viva, minha princesa. Viva e aproveite a sua inocência enquanto ela permeia todo seu ser. Porque dos mais belos sentimentos que já senti, dos mais doces momentos que já vivi e das mais sensíveis sensações que já me rodearam, a infância é a nossa única pureza que existe em nossa vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário